Baú de Memórias

  • Aumentar o tamanho da fonte
  • Tamanho padrão da fonte
  • Diminuir tamanho da fonte

Pe. José Montezuma

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

Pe. José Montezuma

José Hipólito Montezuma nasceu em Caçapava, Estado de São Paulo no dia 21 de Fevereiro de 1895, filho de Jordão Montezuma e Ana Rosa Montezuma.

Em 1906 ingressou no Seminário Redentorista Santo Afonso em Aparecida. Em 1912 foi para a Alemanha onde cursou filosofia, teologia e fisiologia, concluindo em 1919. Voltando ao Brasil, foi ordenado em 15 de Agosto de 1920 na Matriz da Penha em São Paulo.

Em 1928 seguiu para o Bispado de Botucatu onde foi designado Vigário de Piraju até 1934 e em Santa Cruz do Rio Pardo, permanecendo até 15 de Abril de 1939, sendo professor do Seminário Teológico e Cura da Sé de 1937 a 1939.

Chegou em Pederneiras onde tomou posse da Paróquia de São Sebastião em 23 de Abril de 1939, sendo recebido por autoridades, professores e alunos do Ginásio Dom Luiz (atual Anchieta) e congregações religiosas.

A princípio, formou uma comissão responsável para a ampliação do antigo templo de São Sebastião cujos resultados não foram satisfatórios em proporção ao crescimento da cidade, as quais ficaram paralisadas até 1949, quando se decidiu por sua iniciativa na construção de um novo templo que foi concluído externamente por volta de 1964.

Incentivou as práticas religiosas e pela manutenção da Escola Paroquial Coração de Jesus, da Santa Casa, da Conferência de São Vicente de Paulo, colaborando com o Ginásio Dom Luiz e com orientações de formação moral e intelectual da mocidade pederneirense.

Pe. José Montezuma participou de todos os segmentos da sociedade, quer religiosas, escolares, esportivas, culturais, cívicas, além de incentivar as vocações sacerdotais dos jovens.

O Papa João XXIII lhe concedeu o título de Monsenhor em 16 de Outubro de 1959.

Faleceu em 27 de Setembro de 1961. Seu corpo repousa ao lado do Sacrário, no interior do Templo de São Sebastião, fruto de suas aspirações e dedicação.

 

---------------------------------------

 

Referências: "O Comércio de Pederneiras"- Ed. 375 de 17/2/1940 - Red. Osny Fleury Silveira. - "Folha de Pederneiras"- Ed. 113 de 12/8/1945 - Dir. Kalil Sabag.

Pesquisas e adendos de Rinaldo Toufik Razuk.

Actualizado em Terça, 05 Janeiro 2010 01:02  


Estatísticas

Membros : 5
Conteúdo : 66
Favoritos web : 6
Visualizações de conteúdos : 441010

Galeria de Imagens